FILTRO MAGNÉTICO

Filtro Magnético e Eletromagnético

 

Os filtros magnéticos e eletromagnéticos são utilizados na separação automática de impurezas ferrosas que contaminam produtos diversos, tais como: chocolate, polpas, cerâmicas, etc. Reduzem a manutenção corretiva em misturadores, bombas e outros equipamentos. Podem ser construídos em aço inoxidável e outros materiais, sob encomenda.

O campo magnético pode ser gerado através de ímãs permanentes de alta intensidade ou através de bobinas eletromagnéticas. Veja também texto explicativo sobre tambores, separadores, polias, mesas e grades magnéticas.



Filtro Magnético

Os filtros magnéticos captam impurezas contidas no fluido retirando-as de circulação.

A limpeza dos elementos filtrantes (=tubos magnéticos em neodímio) ou “margaridas” de inox deve ser feita manual e periodicamente.

 

 

Filtros magnéticos são utilizados na última fase do processo. Nesta etapa encontram-se partículas ferrosas de pequenas dimensões em pequenas quantidades (quando se compara com a quantidade de impurezas nas fases anteriores, onde se utilizam outros equipamentos magnéticos: separadores magnéticos, polias magnéticas, grades magnéticas, tambores magnéticos).

 


Modelos

FILTRO MAGNÉTICO

 


Filtro Eletromagnético

Os filtros eletromagnéticos são aparelhos separadores destinados a eliminar traços de ferro de materiais triturados pelos moinhos e que se encontram num estado quase pulverulento.
São construídos por uma série de grelhas fortemente magnetizadas por meio de uma bobina que as envolve. O enrolamento é alimentado por corrente contínua e está perfeitamente isolado das grelhas e das outras partes que constituem a estrutura do aparelho. Estas grelhas são facilmente removíveis para uma rápida e fácil limpeza. Encontram-se sobrepostas uma por cima da outra, forçando o material a passar em maior contato possível com as mesmas, fazendo assim que as partículas de ferro sejam retidas.
Os filtros eletromagnéticos podem ser construídos  para trabalhar em meio úmido ou seco.Os que trabalham em meio úmido podem ser de três tipos:

  1. Os usados intercalados nos dutos transportadores do material com a vantagem de serem colocados na posição mais conveniente para a instalação.

  2. Alimentados por baixo, fazendo com que o material líquido após passar pelas grelhas, seja despejado por meio de um bocal superior.

  3. Alimentados por gravidade, o material cai numa cuba que através de determinados orifícios o faz cair no campo magnético separador.
Os filtros que trabalham em meio seco são geralmente usados para materiais que correm facilmente para as grelhas. O movimento se procede em zig-zag e é facilitado por um vibrador. O aparelho deve trabalhar sempre afogado.


Modelos

FILTRO ELETROMAGNÉTICO

 

Modelos

FILTRO ELETROMAGNÉTICO

 

 

Especificação de um Filtro Magnético

Para correta especificação de um filtro magnético, é fundamental conhecer a aplicação. Respondendo ás questões abaixo, poderemos garantir o melhor equipamento para a sua aplicação:

  • 1. Qual o material a ser tratado?
  • 2. Qual viscosidade do material?
  • 3. E a granulometria dos contaminantes? Quais são os tamanhos do menor e do maior pedaço de ferro a ser extraído pelo filtro magnético?
  • 4. Qual a produção em litros/min: esta informação é importante para a definição do tamanho do equipamento!
    Há algum pico de vazão?
  • 5. Qual a quantidade de ferro (em Kg) contida no material?
  • 6. Onde será instalado? Informar dimensões das tubulações.
  • 7. Qual a temperatura ambiente?
  • 8. Qual a temperatura do material?
  • 9. Definir as limitações de espaço e de peso do filtro magnético;
  • 10. Se possível, fornecer croquis da instalação.
  • 11. Se lembrar de algo que julgue importante, não hesite em informar! Se tiver dúvidas, chame-nos, mande um e-mail, um fax, uma carta, mas não deixe de nos contatar! A ITAL tem uma linha completa de equipamentos magnéticos para separação de impurezas ferrosas!