TAMBOR MAGNÉTICO

Tambores Magnéticos

 

Diferentemente das polias magnéticas, os tambores magnéticos são instalados externamente ao sistema transportador. Conforme mostram as figuras abaixo, os tambores podem captar ou desviar o material ferroso que passa ou que é despejado sobre eles, respectivamente.

Tambores Magnéticos e Eletromagnéticos

A separação magnética ocorre devido à ação de um campo magnético de alta intensidade e profundidade que atrai as peças ferrosas, extraindo-as do processo. Este campo magnético pode ser gerado através de duas formas distintas: eletricamente ou através de ímãs permanentes.

TAMBORES MAGNÉTICOS PERMANENTES = CONTRUÍDOS COM IMÃS PERMANENTES

TAMBORES ELETROMAGNÉTICOS = CONSTRUÍDOS COM BOBINAS ELÉTRICAS

A diferença construtiva básica entre tambores e polias é que o núcleo magnetizado, no caso dos tambores, abrange apenas a metade do cilindro e é montado e fixo em uma determinada posição interna, enquanto o cilindro externo gira em torno do eixo, arrastando o material sobre ele despejado (ou captado), desviando as partículas ferrosas.

Os tambores são construídos sempre sob encomenda. Podem ser fornecidos montados em caixa de aço inoxidável com sistema de acionamento (moto-redutor). Veja fotos.

Sugestões de instalação de tambores magnéticos.

 

 

 

TAMBOR MAGNÉTICO AUTO LIMPANTE

Quando o material cai diretamente no tambor, o circuito magnético estacionário dentro do invólucro da unidade, captura o material ferroso e mantém preso na superfície. Com os contaminantes removidos, o material limpo cai livremente para um ponto de descarga. A medida que o tambor gira, as aletas arrastam os detritos ferrosos para fora do campo magnético que é descarregado separadamente, criando assim uma separação magnética auto limpante.


 


TAMBORES MAGNÉTICOS PERMANENTES

Vantagens dos tambores Magnéticos Permanentes:
- Os tambores magnéticos permanentes não consomem energia elétrica;
- Os tambores magnéticos permanentes não requerem manutenção;
- A força magnética é constante em função do tempo.

OS TAMBORES magnéticOs permanentes não perdem "força"!

Tem garantia de magnetização de 20 anos, podendo ainda trabalhar em qualquer tipo de ambiente.

Modelos

TAMBOR MAGNÉTICO

 

Dimensões principais dos tambores magnéticos.
A figura é esquemática e não representa fielmente o desenho de um tambor magnético.

 



TAMBORES ELETROMAGNÉTICOS

Vantagens dos tambores eletromagnéticos (eletroímãs):
- Os tambores eletromagnéticos (eletroímãs) possuem maior profundidade de campo magnético;
- Os tambores eletromagnéticos podem ser construídos em “qualquer” tamanho e, portanto são insubstituíveis em aplicações pesadas de grandes volumes por hora.


Modelos

TAMBOR ELETROMAGNÉTICO

 

Nos casos em que a contaminação ferrosa for muito elevada (Ex: reciclagem de lixo) ou que a extração das partes ferrosas for difícil em função das características do material (Ex: pedras), sugere-se a utilização de outros separadores magnéticos que, atuando em conjunto com o tambor magnético, aumentam a eficiência da separação magnética. Exemplos: separadores magnéticos suspensos

 

 

Questionário de especificação

    Para definir o melhor separador magnético para a sua aplicação, favor responder ao questionário abaixo:
    • 1) Há algum tipo de equipamento magnético já instalado em seu processo?
    • 2) Qual o material a ser tratado?
    • 3) Qual a granulometria do material?
    • 4) Qual a densidade do material?
    • 5) E a granulometria dos contaminantes? Quais são os tamanhos do menor e do maior pedaço de ferro a ser extraído?
    • 6) O ferro é impureza ou o material (principal) a ser reciclado?
    • 7) Qual a produção em toneladas/hora ou m3/hora: esta informação é importante para a definição do tamanho do equipamento!
    • 8) Há algum pico de vazão?
    • 9) Qual a quantidade de ferro (em Kg) contida no material?
    • 10) Qual é o tipo de “transportador”: esteira, duto, gravidade, calha?
    • 11) Favor informar as principais dimensões do transportador. Exemplos: largura da esteira, diâmetro do duto, etc;
    • 12) No caso de produtos transportados horizontalmente, qual é a altura (=profundidade) da camada de material que passa através do sistema transportador? Esta informação é importante para a definição do separador que consiga efetivamente atingir (com seu campo magnético) as camadas mais “fundas” de material. Lembre-se que o campo tem de agir na peça ferrosa e atrai-la, retirando-a do material que passa, muitas vezes em velocidade! A força de atração diminui exponencialmente com a distância!
    • 13) O separador será instalado ao ar livre ou em ambiente coberto?
    • 14) Qual a temperatura ambiente?
    • 15) Qual a temperatura do material?
    • 16) Qual a umidade?
    • 17) Consistência (material solto, aglomerado?). Qual a tendência a aglomeração ou empilhamento do material?
    • 18) Qual a tensão elétrica disponível no local da instalação?
    • 19) Definir as limitações de espaço e de peso do equipamento, se possível fornecer croquis da instalação.